data-ad-client="ca-pub-9371512119858190" data-ad-slot="5580438127" data-ad-format="link" data-full-width-responsive="true">

Iron Maiden e Ozzy Osbourne: Dois ícones do metal em uma semana em SP

Publicado em 08/04/2011


Rock Station: Dois ícones do metal em uma semana.

No intervalo de apenas uma semana, a cidade de São Paulo recebeu duas atrações de peso do Heavy Metal, o Iron Maiden e o lendário vocalista Ozzy Osbourne, e o Rock Station estava lá para acompanhar estas apresentações.

O Iron Maiden tocou no estádio do Morumbi para cerca de 55 mil pessoas no sábado dia 26 de março, iniciando a parte brasileira da turnê “The Final Frontier”, que vem promovendo o mais recente disco da banda lançado em 2010. Já Ozzy Osbourne tocou na arena Anhembi no sábado dia 2 de abril, para um público estimado de 35 mil pessoas e que contou com a participação da chuva, que mesmo sem dar trégua não desanimou a platéia que saiu satisfeitíssima.

Em ambos os shows, o que se via era uma mistura de várias gerações de fãs destas duas unanimidades do metal, que tinham como único propósito aproveitar ao máximo mais uma passagem destas atrações na capital paulista. Espero que não seja a última como a imprensa vive especulando e os próprios músicos se esforçam para desmentir.

A abordagem no set list foi diferente de um show para o outro, pois enquanto o Iron Maiden dedicou 5 das 16 músicas do espetáculo para divulgar o novo disco, Ozzy só utilizou “Let Me Hear You Scream” do seu último cd “Scream” e as outras 14 foram clássicos da sua carreira solo ou do Black Sabbath.

Como espectador, achei que das cinco músicas novas do Maiden, apenas “Coming Home” deixou um pouco a desejar ao vivo, e os destaques foram a gigante “When the Wild Wind Blows” e o desempenho perfeito do vocalista Bruce Dickinson na difícil “The Talisman”. E falando em Bruce Dickinson, parece que o tempo não passa para ele, pelo menos sua voz e seu carisma em palco estão intactos desde sempre.

Ozzy, sente agora no corpo e na voz os efeitos da vida que escolheu levar, mas mesmo assim, seu show continua cheio de energia e para os fãs, ou seriam seus discípulos, sua simples presença é suficiente. Ozzy segue esta tour apoiado por uma competente banda que tem na bateria Tommy Clufetos, no baixo Rob “Blasko” Nicholson, nos teclados Adam Wakeman e o novato na banda, o competente guitarrista do Firewind (ótima banda), o grego Gus G., que teve a difícil incumbência de substituir o grande Zakk Wylde, e que terá que batalhar para conseguir dos fãs a empatia que tinha seu antecessor. Mas isso o tempo dirá, para mim o primeiro desafio foi superado, agora é esperar pela participação dele em futuros trabalhos do Madman.

O Iron Maiden, como sempre, foi perfeito na execução de todas das músicas ao vivo, principalmente o guitarrista Adrian Smith, e além das faixas do novo álbum, trouxe na turnê algum material dos anos 2000, dos discos “Brave New World” (2000) e “Dance of Death” (2003) e alguns clássicos da era de ouro da banda como “2 Minutes to Midnight”, “The Trooper”, “The Evil That Men Do”, “The Number of the Beast”, “Halloweed By The Name”, Iron Maiden, Running Free e Fear Of The Dark que passou a ser item obrigatório nos shows desde seu lançamento.

Ozzy tinha na manga hinos do Heavy Metal dos seus tempos do Black Sabbath, que sacudiram o Anhembi e fizeram o público pular, não há como não se emocionar ao ouvir ao vivo as versões para “Fairies Wear Boots”, “War Pigs”, “Iron Man” e “Paranoid”, além da instrumental “Rat Salad” do disco Paranoid.

Houve diferença no tempo das apresentações, o Iron Maiden apresentou suas 16 canções em 2 horas de show, enquanto Ozzy nos brindou com 15 músicas em 1 hora e meia de espetáculo, onde apenas os longos solos de bateria e guitarra foram o anticlímax do show, mas que servem para dar um descanso para o astro principal.

Algumas ausências foram sentidas, de um lado alguns fãs do Iron Maiden acabaram achando que a banda devia ter tocado mais músicas da sua melhor fase, os anos 80, o que eu penso ser um exagero, pois a turnê passada, a “Somewhere Back In Time”, passou por duas vezes pelo Brasil (2008 e 2009) abordando especificamente esta fase, ou seja, com uma discografia tão grande a decisão de mudar acaba sendo obrigatória para que os fãs possam assistir a um show diferente.

Ozzy Osbourne por sua vez deixou de fora um dos seus maiores hits, a canção “No More Tears”, um pecado.
Sem me estender mais, penso que foram dois grandes e ótimos shows que reafirmaram para os fãs e para as próprias bandas a paixão que o Headbanger brasileiro tem pelos seus ídolos da velha guarda, e ainda nos mostrou o quão somos privilegiados em poder ainda ver tais atrações mandando muito bem ao vivo em nosso país, pois quando pensamos no futuro do Hard Rock e Heavy Metal e imaginamos um mundo sem Iron Maiden, Ozzy Osbourne, Judas Priest, Metallica, Whitesnake, Rush, Megadeth, Kiss, AC/DC e outras dezenas de grandes bandas que já devem estar pensando em aposentadoria, não vemos muitos substitutos para preencher o vazio que estes ícones nos deixarão. Uma pena.

Abaixo segue o set list das duas apresentações que o Rock Station cobriu:

Iron Maiden – 26/03/2011 – Morumbi - São Paulo (Mondo Entretenimento)

The Final Frontier World Tour 2011
1. Satellite 15... The Final Frontier
2. El Dorado
3. 2 Minutes to Midnight
4. The Talisman
5. Coming Home
6. Dance of Death
7. The Trooper
8. The Wicker Man
9. Blood Brothers
10. When the Wild Wind Blows
11. The Evil That Men Do
12. Fear of the Dark
13. Iron Maiden
14. The Number of the Beast
15. Hallowed Be Thy Name
16. Running Free

Ozzy Osbourne – 02/04/2011 – Arena Anhembi – São Paulo (Time 4 Fun)

Scream Tour 2011
1. Back At The Moon
2. Let Me Hear You Scream
3. Mr. Crowley
4. I Don't Know
5. Faires Wear Boots
6. Suicide Solution
7. Road To Nowhere
8. War Pigs
9. Shot In The Dark
10. Rat Salad
11. Iron Man
12. I Don't Want To Change The World
13. Crazy Train
14. Mama I'm Coming Home
15. Paranoid

IRON MAIDEN









OZZY OSBOURNE







Fotos Iron Maiden: Renato Alves e Marcos Hermes
Fotos Ozzy: Marcelo Rossi/Time4fun

PROGRAMA ROCK STATION
No ar desde 2005!
Apresentação e Produção: Renato Alves e Adriana Bueno

Todo domingo, 19:00 horas na Raízes FM - 98,7
www.raizesfm.com.br

Twitter: @rockstation