data-ad-client="ca-pub-9371512119858190" data-ad-slot="5580438127" data-ad-format="link" data-full-width-responsive="true">

Iced Earth em Curitiba no Master Hall

Publicado em 22/05/2012

ICED EARTH
Master Hall - Curitiba/PR
24 de abril de 2012

Por Vitor Hugo


O Iced Earth não é aplicado como uma banda gigante no estilo, deve ser por causa da troca de integrantes e etc., mas não decepcionaram nesse show incrível!

Apesar de eu ser muito fã da banda, o show surpreendeu por dois lados: o público não veio em peso, meia hora antes dos portões se abrirem tinha no máximo quarenta pessoas, na hora do show o Master Hall, local aonde o show foi realizado estava com 2/3 terços de sua capacidade, eu tenho toda a certeza que a causa dessa falta de gente foi o preço inflacionado do ingresso (R$ 90,00 o mais barato).

A banda de abertura, a curitibana Fire Shadow fez um show até empolgante em alguns momentos, a presença de palco da maioria dos integrantes é enérgica e se aplica muito bem para uma banda de abertura, exceto um dos guitarristas, que apesar de tocar bem, tem uma presença de palco nula.
Depois de algum tempo o Iced Earth entra em ação executando de cara um petardo de seu último álbum "Dystopia" foi executada com maestria e a voz de Stu Block estava incrivelmente idêntica a versão de estúdio, emendaram com "Angel's Holocaust", velho clássico que funciona muito bem ao vivo.

"Slave To The Dark" me fez perceber o potencial de Stu Block na banda, na minha opinião ela foi melhor executada na voz dele do que na voz de Matt Barlow, antigo vocalista.
"V" e "Stand Alone" foram executadas em seguida mantendo a qualidade, "When The Night Falls" primeiro de três épicos da noite fez todo o público ficar perplexo com a presença e carisma de Jon Schaffer que manteve-se concentrado durante toda a música, porém com uma presença de palco de dar inveja, passando por "The Hunter" e depois para "Damien".
"Anthem", clássico recente do grupo me deu a certeza de que eu estava vendo uma banda no auge de sua carreira, é melhor executada do que em estúdio, membros da banda entrosados e público empolgado!

Pena que faltaram algumas músicas para completar um show na sua perfeição, mas ainda tivemos petardos como "Declaration Day", "Watching Over Me", o maior clássico "Dante's Inferno" e "Iced Earth" fechando o show com maestria.
Um destaque indescritível foi "Burning Times" um dos maiores clássicos entrou de surpresa no setlist.

Foi bem mais do que eu esperava no fim das contas, o show foi incrível, emocionante, matador!

Set-List:
01. Dystopia
02. Angel's Holocaust
03. Slave To The Dark
04. V
05. Stand Alone
06. When The Night Falls
07. The Hunter
08. Damien
09. Anthem
10. Declaration Day
11. Days Of Rage
12. Watching Over Me
13. Dante's Inferno
14. Burning Times
15. Iced Earth